Protegida de Picciani para vaga no TCE é mulher de desembargador do TRE

Mariana Montebello é casada com Flávio Willeman, responsável por julgamento de ações contra políticos

Por O Dia

Rio - Presidente da Assembleia Legislativa (Alerj), Jorge Picciani fechou questão em torno da escolha de Marianna Montebello Willeman para a vaga no Tribunal de Contas do Estado (TCE) aberta com a morte de Julio Rabello. Avisou que qualquer outro nome será rejeitado pelos deputados estaduais.

Ela é filha do presidente do Tribunal de Contas do Município, Thiers Montebello, e — importante — casada com o desembargador Flávio Willeman, integrante do Tribunal Regional Eleitoral, que julga muitas ações de políticos.

Lista tríplice
Esta vaga é exclusiva para procuradores do TCE — dos seis, apenas quatro têm condições de disputá-la. Os conselheiros do órgão farão uma lista tríplice que será enviada a Pezão: ele escolherá um nome a ser aprovado pela Alerj. Na quarta, o Informe já havia registrado o favoritismo de Marianna.

Ele não sabia...
Conselheiro da Agetransp, agência estadual que fiscaliza transportes, Arthur Bastos afirmou, na Alerj, desconhecer que desde 2011 a Justiça obriga a SuperVia a pagar multa quando houver seis atrasos de trens por dia. Coube ao deputado Luiz Martins (PDT) lhe dar a velha notícia.

Sem discriminação
A Coordenadoria Especial de Diversidade Sexual fez acordo com a Secretaria de Transportes: vai treinar motoristas e cobradores para evitar a discriminação de gays.

Bebeto arquiva
Deputado estadual, o ex-craque Bebeto diz que vai pedir o arquivamento do projeto de 2012 que condecorava José Maria Marin, então presidente da CBF. Ressalta que, um mês depois de apresentá-lo, pediu à presidência da Alerj para retirá-lo de pauta. Isto porque ficara sabendo de acusações ao cartola.

Últimas de Rio De Janeiro