Coluna do Servidor: Adesão a plano de saúde no estado

Servidores do Poder Executivo e militares ativos, inativos e pensionistas do Estado do Rio devem fazer pré-cadastro

Por O Dia

Rio - Servidores do Poder Executivo e militares ativos, inativos e pensionistas do Estado do Rio podem aderir nesta quinta-feira aos planos de saúde e odontológicos administrados pela Aliança. A partir do dia 15 de fevereiro, quem já tiver convênios particulares terá como trocá-los pelos oferecidos pelo estado.

O pré-cadastro está disponível exclusivamente no site www.aliancaadm.com.br/govrio. Por meio do endereço eletrônico, é possível conhecer produtos, preços e condições. Além disso, o beneficiário pode fazer simulação do plano escolhido, para verificar o preço final.

Secretário Sérgio Ruy e presidente da Aliança assinam acordoDivulgação

Fazem parte do serviço as operadoras Amil, Assim, Unimed Rio e Uniodonto. Mensalidades variam de R$ 98 a R$ 717. Porém, segundo o presidente da Aliança, Elon Gomes de Almeida, há produtos de até R$ 1.500, para clientes mais exigentes. “Há planos variados, que atendem às necessidades específicas de cada cliente, assim como a faixa salarial. E os convênios são até 40% mais baratos, se comparados ao mesmo produto, na modalidade individual”, afirma.

Quem aderir até 15 de fevereiro tem vantagens: além de não ser cobrada carência, a cobertura dos serviços começa em 1º de março. Vale lembrar que os beneficiários só vão pagar depois que estiverem cadastrados na operadora. Não é cobrado valor algum no momento da adesão.
É possível incluir até cinco dependentes legais nos planos. Ou seja, filhos menores de 21 anos, cônjuge e pais, desde que estes dependam financeiramente dos beneficiários.

Cobertura e valor de alguns planos de saúdeArte%3A O Dia

A cada aniversário do contrato, os clientes poderão trocar de plano. O pagamento das mensalidades do servidor e dos dependentes é de responsabilidade do titular. O valor pode ser pago por meio de débito em conta ou por boleto bancário. A partir do dia 16 deste mês, servidores poderão aderir também por meio do telefone 0800 254 2622 ou na Avenida Nilo Peçanha 175, no Centro do Rio.

Auxílio-creche

Servidor do Município do Rio que recebeu auxílio-creche e não apresentou a documentação comprovando o uso correto do benefício em 2013 tem até sexta-feira para fazê-lo. Documentos devem ser entregues no Previ-Rio (Cidade Nova) ou no Poupa Tempo (Bangu).

Curso de formação

Classificados na primeira etapa do concurso para especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental promovido pela Secretaria Estadual de Planejamento foram convocados ontem para o curso de formação. Mais informações em www.ceperj.rj.gov.br.

Últimas de _legado_Economia